Dragon’s Dogma | Desenvolvimento, história e o BBS

Durante o podcast de Dragon’s Dogma, também falamos mais sobre nossas experiências, a história do jogo e da expansão Dark Arisen, e nas inspirações do lore em filosofia ocidental, como Nietzsche. Se está interessado(a) no jogo, então, ouça o nosso cast também!

Desenvolvimento

O diretor e Idealizador do projeto é Hideaki Istuno – Também foi diretor de Devil’s May Cry 2 (entrou no meio do caminho do projeto), Devil’s May Cry 3 e 4, além de outros jogos de luta como Capcom vs. SNK 2 e Vampire Chronicles (Darkstalkers).

Dragon’s Dogma foi um sonho de infância de Hideaki, e que só se tornou realidade devido ao avanço tecnológico que alcançamos atualmente. Hideaki é fã de jogos de RPG, ainda mais centrados em mundo aberto, e foi influenciado por séries Dragon Age, Elder Scrolls e Fallout. George Martin foi uma grande influência para a localização dos diálogos em inglês. Para o nome do jogo, Hideaki queria algo com Dragon no nome, “porque dragões são sinônimos de fantasia”, e Dogma porque o Dragão do jogo te ensina certas coisas sobre o mundo do jogo.

Quando quase todo mundo da party resolveu usar a mesma roupa — estes vestidos são uma das “armaduras” mais poderosas do jogo

Em um projeto que durou 3 anos (2 de desenvolvimento e 1 de concept), com 150 funcionários envolvidos em todo o projeto. Contou com o envolvimento de grandes nomes de peso dentro da Capcom como o produtor Hiroyuki Kobayashi, que produziu jogos como Resident Evil 4 e Killer 7, assim como o designer Makoto Ikehara, responsável pelo design de Breath of Fire.

O mapa do jogo inicialmente era 2 vezes maior do que o mapa atual, contando com áreas separadas por monstros de diferentes níveis, onde o jogador poderia passar por toda a ilha de Gransys, uma ilha chamada Dragon Island e até a própria lua do jogo.

Foram 42.000 linhas de diálogo gravadas, e foi escolhido uma linha de diálogo que encaixasse no formato de alta fantasia, uma linguagem mais arcaica. Por isso todos os diálogos de todas as línguas foram escritos ao mesmo tempo (ao invés de ser inicialmente escrito em japonês para depois ser traduzido), para não atrasar o lançamento do jogo com o envio de traduções e correções com o lip-sync durante a gravação.

Conceito de BBS-RPG (Bulletin Board System ou Fóruns)

O conceito principal do jogo vem como uma ideia de fóruns da internet. Os personagens que você cria e/ou contrata para a sua party, conhecidos como pawns, ficam dentro de um local que funciona mais ou menos como um mural disponível para que o jogador os selecione. Sendo assim, o jogador se comunicaria com outros jogadores apenas através dos pawns, que são mais ou menos como seus servos, que saem para ajudar as pessoas.

Não é um sistema multiplayer no sentido convencional, onde você participa do PVP ou PVE junto com outros jogadores, mas com o pawn te representando e interagindo com os outros no plano de fundo do seu jogo. Você não vê o que está acontecendo, nem precisa estar online. Sendo assim, você não precisa se prender a outras pessoas, horas ou compromissos.

Enquanto que ler foruns online pode ser divertido, participar dele é ainda melhor. Isto acontece em jogo contigo emprestando o pawn que você criou, treinou e personalizou para outros, e recebendo dinheiro, itens e uma resposta deles sobre como o seu personagem os ajudou no combate e que coisas novas ele aprendeu. A inteligência artificial dos pawns parece bem orgânica, e os conhecimentos novos deles podem até te ajudar em batalhas futuras. Por exemplo, se um pawn conhece uma criatura nova e vê que ela é frágil a fogo, enquanto se aventura com outra pessoa, no momento em que ele voltar a você e vocês encontrarem esta nova criatura, a inteligência artificial vai te avisar sobre as fraquezas dela e focar em ataques de fogo.

Inteligência artificial – as inclinations

Sua party pode ter o pawn principal + 2 pawns contratados. E eles tem um sistema muito interessante e lore-friendly de aprendizado, que os programa para responder melhor aos seus comandos e ao mundo

  • Primeiro, você pode simplesmente dar elixires para eles e mudar o comportamento deles para mais agressivo, ou para atacar os monstros pequenos ou minions primeiro (num boss, por exemplo),  ou para priorizarem curar seu personagem;
  • Viajando contigo e matando monstros eles observam o comportamento de todos e aprendem as fraquezas e resistências elementais;
  • Eles sabem quando estão diante de uma situação de risco (que a AI calcula com uma fórmula baseada na quantidade de inimigos, nível de todos, vida do Arisen e quantidade de pawns vivos) e vão consumir itens como peripats (boosts de força) e flechas encantadas com dano elemental;
  • Conversar com eles numa cadeira especial;
  • Viajando com outros pawns eles também voltam “pra casa” com mais conhecimento;
  • Eles podem desenvolver uma personalidade simplesmente por ouvir muitos pedidos de ajuda seus – usar o “help!” toda hora resulta num pawn com personalidade medicante, que é o que ignora outras prioridades para te curar. Parece bom, más não é tão legal quando eles cancelam qualquer ação importante para ver se você está bem.

Glossário e apanhadão da história de Dragon’s Dogma

[contém spoilers importantes do jogo]

Quem são os Arisen: Os Arisen são humanos escolhidos pelos dragões e têm seus corações arrancados. Enquanto o dragão estiver sob o controle do seu coração, os Arisen se tornam imunes a qualquer doença e não envelhecem, mas eles podem morrer em batalha.

Dragões: Os dragões são seres enviados para testar e escolher novos Arisen para um propósito maior. Quando os Arisen encontram os dragões em certo momento de suas jornadas, eles oferecem um pacto faustiano: Ter um desejo realizado em troca da vida da pessoa que ama, ou enfrentar o dragão.

Pawns: São seres que se parecem muito com os humanos, mas não tem emoções reais ou sequer envelhecem. Todos eles vivem na rift (é como uma outra dimensão) e podem se contratados por lá ou encontrados perambulando o mapa do jogo. Os pawns tem como característica uma cicatriz na mão, que é um elo direto com o arisen.

Bestowal of spirit: É possível que o Arisen transfira parte de sua alma para o pawn, dessa forma eles não somente tornam-se humanos, como aos poucos vão mudando para tomar a aparência do Arisen. Como vemos com a Selene, cuja Arisen, Sofiah, lhe deu parte de sua alma, por isso Selene começa aos poucos a ter a aparência da Sofiah.

Seneschal [spoilers do final do jogo]

Seneschal: Os Arisen que mostram força de vontade superior e derrotam seu dragão conhecerão o Seneschal, que é uma figura muito próxima de um deus. Ele ou ela é responsável por manter a existência daquele mundo, e de gerar ou destruir vida.

Manter o mundo vai esgotando as energias do Seneschal, e aos poucos o mundo se torna uma casca vazia e começa a se degenerar. Para “agitar” o mundo novamente e se livrar de (possíveis séculos!) de fardo, o Seneschal envia um dragão para escolher um novo Arisen que seja capaz de se provar e ocupar seu lugar como um novo Seneschal.

Os Arisen que morrem nas mãos de um seneschal se tornam dragões. O lore do jogo nunca entrega tudo de bandeja e explicadinho, mas, sendo assim, provavelmente o dragão principal do jogo é um arisen caído do passado.

A cabrita aqui do Bichos Geeks jogou este ARPG bastante lá para 2016 e vocês vão ouvir no cast o quando ela gostou do jogo, ao ponto de fazer uma fanart ambientada em Dragon’s Dogma. A imagem acima é uma prévia da arte completa. Também há informações do final do jogo na arte, então fica mais um alerta para os spoilers.

Seneschais conhecidos:

  • Savan: Jogamos sua batalha contra seu dragão no prólogo. Ele está sempre acompanhando de seu pawn, Salde. O encontramos novamente no final do jogo como Seneschal. O Dragonforged, um personagem que te ajuda durante o jogo, diz que ele está aí há uns 1000 anos.
  • Qualquer outro Arisen dos jogadores que terminaram o jogo: Como tudo é cíclico, caso o jogador termine o jogo uma segunda (terceira, quarta, quinta… etc.) vez com o New Game+, o Seneschal será o Arisen de qualquer outro jogador do mundo escolhido aleatoriamente.

Resumão da história do Dark Arisen [claro, também com spoilers]

Na expansão do jogo, lançada em 2013, você vai descobrindo a história ao falar com alguns espíritos ou com Olra, que é meio que a personagem ícone de Dark Arisen. Mas a história pode ser um pouco confusa, então aqui vai o resumão:

Olra e Ashe

  1. Olra é uma pawn que possui o corpo de alguém para te pedir ajuda;
  2. Ela era a pawn de uma Arisen chamada Grette, que salvou a vida de um rapaz chamado Ashe e começou a treina-lo;
  3. Grette morre na batalha contra o seneschal (e vira um dragão, mas ninguém fica sabendo), e o Ashe “adota” a Olra como sua pawn;
  4. Ele se apaixona por Olra (Lembram do Bestowal of Spirit? Ou transferência de espírito? A Olra pawn tem traços da Grette agora, e isso pode ter ajudado na aproximação dela com o Ashe);
  5. O Ashe é transformado em Arisen por um dragão e entra no mesmo ciclo que você passou durante o jogo base, só que ele acaba descobrindo que o dragão que ele deve matar é a Grette.
  6. Ele fica atormentado, a Grette faz a mesma proposta de sacrifício que o Grigori faz a você (que, no caso, é matar a Olra ou derrotar a Grette), ele amaldiçoa o ciclo dos arisens e se fecha em Bitterblack Isle, acabando conhecido como Daimon. A Grette sacrifica a Olra mesmo assim, já que ele não tomou nenhuma decisão.

Arthacos: Um arisen que começou a ouvir vozes ficou insano em BBI. Provavelmente virou a morte.

Barroch: Um arisen que resolveu não matar o seu dragão, e sente que deve ficar em BBI fazendo pesquisa. É ele que dá upgrade nas suas armas e vende itens dentro da dungeon

Dragon’s Dogma

Lançamento em maio de 2012

Dark Arisen: abril de 2013 para PS3 e XBOX, e janeiro de 2016 para PC

Dragon’s Dogma online: Agosto de 2015

Fontes

https://en.wikipedia.org/wiki/Hideaki_Itsuno

https://en.wikipedia.org/wiki/Dragon%27s_Dogma#Development

https://www.videogamer.com/features/dragons-dogma-how-hideaki-itsuno-is-taking-on-skyrim-and-the-world

https://www.gdcvault.com/play/1017869/Behind-the-Scenes-of-Dragon

https://www.destructoid.com/an-in-depth-look-at-dragon-s-dogma-214881.phtml

http://dragonsdogma.wikia.com/wiki/Dragon%27s_Dogma_World_and_Lore

https://www.youtube.com/watch?v=3G5o3KhXv6w

https://imgur.com/gallery/qGAVO

Todo este material foi compilado na nossa pauta do podcast sobre Dragon’s Dogma, onde falamos dos pontos deste artigo e mais! O Bichos tem os podcasts arquivados em cada página dos episódios, mas vocês também podem ouví-los pelo Youtube:

Mais posts
Lore | História de Castlevania | 1

Ouça a parte um do podcast sobre Castlevania! Todos os posts sobre Castlevania Inspirações e desenvolvimento Castlevania bebe da fonte Read more

Podcast #7 – Warcraft: Orcs & Humans e lore

Falamos do desenvolvimento de Warcraft: Orcs & Humans, suas origens em Duna, Warhammer e até Populous, e desmistificamos MUITAS curiosidade Read more

Especial Dragon Age | História, Raças e Facções de Thedas | 2b

Exploramos os pormenores de um dos carros-chefe da Bioware, com a segunda e última parte sobre o universo de Dragon Read more

Especial Dragon Age | História, Raças e Facções de Thedas | 2a

Exploramos os pormenores de um dos universos mais famosos da BioWare, trazendo na 2º parte a história dos Dragon Age, Read more

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.